domingo, 30 de junho de 2013




Bagagem!

Guardei as tristezas, numa mala à parte, pois nesta só quero grandes feitos!
Quero o amor, que todos os dias tive, as amizades que fiz,
a família, as mensagens que dei, ou penso terem chegado, ao destino
ocorre-me que deveras na dor se faz realmente amor...

Nos dias em que o meu corpo quase descaiu,
mas a alma se manteve sempre forte...
nesses dias... não! Nunca!
Nem sequer pensei por segundos que a viagem seria feita antes da hora
a luta, a dor a demora da vida....valeu cada sorriso,
cada lágrima cada sentimento, valeu cada respirar!

E continuo a fazer a mala, pois o amor a partilha o meu Ser,
todo ele grita por viver!
Tanta coisa... não deve caber!

Quero levar comigo a melhor bagagem que o coração carregue,
pois nada mais levo, sem ser a paz, nesta mala da mão... o meu pobre coração!
Transborda de palavra, aquela que tento dizer, mas que o sentido dela é lutar!
Cada segundo, cada ar... na saúde e na doença.. na alegria e na tristeza...
Não!! não é um casamento, é um envolvimento maior...
é a esperança no meio de tanta dor!
desviei atenção da bagagem, pois a força e a coragem,
dessa luta diária contra a “maldita”...
essa deixo-a de fora, não por não caber! Apenas porque está feita!

Deixo-a para quem precisar, se valer o meu testemunho...
deixo-a para um forte punho!
Aquele que vai socar as tristezas apenas num olhar,
que sofre mas não para se sorrir...
que vive a cada sentir... cada dor, deste pobre corpo,
deste recipiente de vida, de alma erguida!

Bom... as malas estão feitas...
mas enquanto respirar tudo que de fora eu deixar será porque vivi!
Para quando a hora chegar, eu possa seguir a viagem,
ao partir deixo o meu respirar...
para quem precisar de coragem para lutar!!
enquanto cá estiver... só me resta sorrir, amar e amar e amar....

Celeste Seabra
21/03/2013




MEMÓRIAS

Saudades verdadeiras e sentidas
de alguém que já perdemos.
Memórias sempre relembradas
de momentos que vivemos,
todos ficam no nosso coração,
amigos de infância e de fé,
outros que fizemos de ocasião
e alguns que queremos ter
sempre ali ao lado…
Gosto de pensar na alegria
nos bons e sublimes valores
ter, paz, amor e fantasia
e lutar sempre sem pudores.
Somos livres e pensadores
com alma poética para amar!
Vivemos vidas de sonhadores
de um mundo que precisa de mudar!

Bernardina Pinto




AMIZADE SIM 

Eu tenho neste solar 
cada poeta um amigo 
gosto de comentar.....
e sinto que estão comigo

isto é verdadeira amizade
com pitada de carinho....
se não os leio sinto saudade
todos eu quero enviar meu beijinho
JOANA RODRIGUES




SE ...

Se eu pudesse, todo dia eu pegaria uma estrela e te daria. 
Se eu pudesse tocar o sol, eu pegaria um raio de luz
pra iluminar seu dia.
Se eu encontrasse o começo do arco iris
eu te daria todas as cores, e coloria você.
Eu faria tudo só para te ver feliz.
Ha você! Se eu pudesse reunir todos os passarinhos
eu os pediria que cantassem a mais linda melodia para você.
Se pudesse construiria uma linda ponte unindo montanhas,
só sua para você chegar mais perto do céu.
Ha se eu pudesse... encontraria a floresta mais linda pra gente se amar,
estar ao seu lado e respirar a paz que só o amor trás.
Eu faria isso tudo só por você!
Se pudesse eu lhe daria todas as alegrias do Universo
nos dias em que se sentisse triste.
Eu construiria uma casinha na árvore mais alta, só para mim e você.
Um lugar perfumado, com lençóis de seda e enluarado
onde você encontraria o aconchego de um beijo e doce abraço.
Estar sozinha contigo entre desejos e paixão e descansar no seu peito.
Eu faria muito mais por você! ...
Mas não posso pegar as estrelas, e nem tocar no sol
Também não sei onde está a ponta do arco iris no céu.
Sei chamar os passarinhos ...
Mas não sou capaz de construir uma ponte.
Mas eu sei que posso dar-lhe o que de mais forte existe em mim :
esta vontade de ver você feliz e de estar sempre aí ...
... com você até o fim.

30-06-2013
Rosangela Ferris - Rossy


sábado, 29 de junho de 2013




De punho cerrado

Há dias em que o vento nos corre nas costas.
Outros simplesmente nos passa ao lado.
Coisas da vida, que encaro de punho cerrado...
Dores do passado, que matam por dentro
nos deixam tristes, sem alento...

Aiiiii... se ao menos eu pudesse fazer o céu ficar verde
se as nuvens corressem ao contrário,
deixando para trás o cinzento!
E o lamento... se ele virasse coragem!
O ponto de viragem deste meu coração
seria pintado de amor, sem dor... seria o meu chão!

Quero de volta a minha fé...
aquela que a derrota me tirou,
sou mar sem maré!
Sou lua sem noite...
sou aquele que procura o norte!
Sou gente sem sorte!

sorte que me deixou,
enquanto o diabo esfregou um olho
hoje, sou o pesadelo, depois do sonho...

Pinto de negro esta minha emoção,
pois dentro do peito... bate um coração
que um dia foi feliz... com pulsação...

hoje, apenas respiro
procuro... e suspiro!
Mas acima de tudo, cerro o punho...
e luto para voltar a pintar esta vida triste,
de tons verdes, cores alegres..
aiiiiii.... um dia voltarei a existir!
E ao vento... vou sorrir!

Celeste Seabra





AMO-TE....

O meu Amor por ti jamais cessará,
Na minha memória cada pedacinho,
Cada momento cada palavra da nossa história,
Surge a tua voz, a tua imagem,
Quero que sintas a minha mensagem,
Por ti tenho sede de viver,
De um dia contigo amanhecer,
Todos nós desejamos carinho,
Ambos percorremos um diferente caminho,
Onde só nós podemos opinar,
Só nós o poderemos alterar,
Quantas vezes vejo-me a chorar,
Por não te ter no meu caminhar,
Mas depois penso que existes,
Que no teu corpo percorre o mesmo calor,
Para o qual o meu pede vorazmente o teu Amor,
Não quero que sejas uma paixão,
Dessas que nos levam a razão e se vão,
Quero que sejas uma realidade,
Cheia de Amor, Carinho e Verdade,
Mesmo que tu e eu não sejamos o esperado,
O importante é Amarmos,
O calor que percorre também no meu corpo,
Suplica o teu como louco,
Diz que ter-te só em palavras é pouco,
Sim, ele sabe a realidade,
E sabe o quanto pode ser complicado,
Nada é impossível,
Para tentar ser feliz basta estar vivo,
E nada são causas inatingíveis!!!

Maria do Mar.
28.06.2013




ESTADO DE ALMA



O amor não me sorriu...
Por isso na minha concha me fechei
Outros caminhos tomei
Meu coração bloqueei...

Por isso, às vezes me encontro
Com a minha solidão
São momentos muito meus
dos quais não abro mão...

São momentos para pensar
e me encontrar comigo mesma,
fazer o balanço da minha vida
e arrumar a minha cabeça...

Meu silêncio me diz
Que minha vida devo mudar...
Só minha saúde me interessa,
Com o amor não me vou preocupar...

Bárbara Godinho
29.03.201

sexta-feira, 28 de junho de 2013




MEU SORRISO GUARDADO ...

Escrevo meus poemas e solto os versos no ar,
meus dedos sobre o papel são como pétalas soltas.
Caem como poesias floridas, mas o perfume
 eu sei que fica.
Toda vez que escrevo choro dentro de um poema,
E espero a beleza de estrelas sorridentes iluminando
o amor que existe dentro em mim...

Mas não posso sorrir, quando a chuva se transforma
Em tempestade... o barulho dos trovões, 
abafa a canção dos ventos,
silenciando meu canto terno que te alcance...
Eu vou dormir no escuro, embalando meus sonhos
 em teu abraço
Que me envolvam ternos como num laço
E não vou fechar meus olhos, enquanto a luz
 estiver acesa.

porque eu preciso desta claridade,
 pra guiar meus passos,
meus sonhos, minha vida,
 meu destino no seu.
Eu preciso da certeza de que a chuva forte 
vai passar.
E estando ao seu lado, nem vou ver o dia
 devagarinho chegar
E quando o sol voltar a brilhar, eu vou sorrir, 
correr pela chão molhado,
enlaçada pela cintura, por um amor que é só meu.

Lindos anjos com um sorriso no rosto 
e uma flor no coração...
estarão nos vendo neste enlevo sem
 principio e fim
Então finalmente saberei onde mora 
a essência da minha poesia.

26-06-2013
Rosangela Ferris

Cantinho dos Administradores

Bem-Vindos ao Cantinho dos Administradores

quinta-feira, 27 de junho de 2013

AMO-TE....


O meu Amor por ti jamais cessará,
Na minha memória cada pedacinho,
Cada momento cada palavra da nossa história,
Surge a tua voz, a tua imagem,
Quero que sintas a minha mensagem,
Por ti tenho sede de viver,
De um dia contigo amanhecer,
Todos nós desejamos carinho,
Ambos percorremos um diferente caminho,
Onde só nós podemos opinar,
Só nós o poderemos alterar,
Quantas vezes vejo-me a chorar,
Por não te ter no meu caminhar,
Mas depois penso que existes,
Que no teu corpo percorre o mesmo calor,
Para o qual o meu pede vorazmente o teu Amor,
Não quero que sejas uma paixão,
Dessas que nos levam a razão e se vão,
Quero que sejas uma realidade,
Cheia de Amor, Carinho e Verdade,
Mesmo que tu e eu não sejamos o esperado,
O importante é Amarmos,
O calor que percorre também no meu corpo,
Suplica o teu como louco,
Diz que ter-te só em palavras é pouco,
Sim, ele sabe a realidade,
E sabe o quanto pode ser complicado,
Nada é impossivel,
Para tentar ser feliz basta estar vivo, 
E nada são causas inatingiveis!!!

Maria do Mar.
28.06.2013





Minha caixa de recordações,
eu resolvi hoje abrir....
são riquezas e sonhos ,
que da minha vida deixei fugir....

Ao olhar a minha caixinha,
Nem sabia o que lá estava...
Meus sonhos bem guardados,
Já nem me lembrava de nada...

Recordei os tempos da mocidade,
E algumas caras me lembrei...
Amigas de velhos tempos ,
Pois hoje tudo recordei.....
JOANA RODRIGUES






Música e Pintura

A música e a pintura para mim são artes divinais.
A música é leveza da alma, uma forma de nos colocar
em comunicação connosco e com os outros.

A música é ponte, comunica com o universo!

Gosto de todo o género de música, depende do meu sentir.
A Música é arte...
Como a pintura que mistura cores em telas como mostra
as emoções e sentimentos de quem pinta...
Pintas coloridas, traços fortes ou suaves.

A pintura é arte pura!
Onde o céu pode ser verde e o mar cor de rosa.

Tanto a música como a pintura
fazem-nos sonhar...
É tão bom sonhar
ao olhar para um belo quadro
ou fechar os olhos e ouvir uma linda canção...
e deixar-nos levar pelo sonho!

Bernardina Pinto




Para ti!

A ti, que cais pura, como neve branca... 
que sonhas voar num raio de sol...
a ti, que respiras o ar da vida, sem que desistas da luta!!
a ti... para ti... que sentes na pele as injustiças da noite,
que travas as lutas com a madrugada!
Que a cada entardecer, buscas a força do viver!
Ergue-te... prende-te à esperança
sabendo que a liderança, passa na tua travesseira
deita-se do teu lado num abraço criado,
pela tua alma de uma guerreira!!
sonha, luta!
Nunca desistas, pois um dia o sol vai brilhar com certeza
e tu... farás parte, do brilho da natureza!
Sempre viva... pela tua bela presença!
Guerreira da sorte... que lutas contra a morte!
Vive a brilhar
com a tua força de lutar!
E a ti... só para ti... O sol vai a brilhar!
A cada nascer da esperança... a cada caminhar!
A ti... só para ti....

Celeste Seabra



AS TUAS PALAVRAS...

As tuas palavras,Queimam-me
Deixando-me por vezes arrasada,
Deixando-me por vezes desconcertada,
Por vezes desesperada,
Quero tanto te amar,
Por ti ser amada,
Por ti ser resgatada,
Desta vida de tudo e nada,
Cada palavra tua é fogo,
Das quais sinto um enorme sufoco,
O quanto desejo o nosso encontro,
Será este um momento mau,
Será este um momento em vão,
Não digas que o nosso sentimento não valeu,
Não digas que nosso amor desvaneceu,
Não digas que fui fumo de algo que ardeu,
Algo que desapareceu,
Eu sou brasa ardente,
Que te queimará a todo o instante,
Te amará para todo o sempre,
Até não mais ter calor,
Até para sempre ficar sem dor,
Algo que um dia se extinguirá,
Deixando tudo para trás,
Sem fumo, sem calor, nem vapor,
O meu Amor por ti valeu,
Em todos os momentos serás meu,
Nos momentos de reflexão,
Nos momentos de interiorização,
Amo-te mais que a paixão,
Amo-te mais que a razão...

Maria do Mar
26-06-2013






Verão salgado.

Um desfilar de verão e poesia, 
com o gosto a acastanhado na cor do sabor, 
do brilho solar do amor...
vivemos de ternura poemas e sexo, o teu/ meu...
o sexo dos anjos que escrevem poemas ocos
e fazem dos sons moucos...
Um verão quase a transbordar de chuvas,
a converter o sol no degelo de sentimentos...
verão de lembranças e lamentos.
Comemos o fruto da verdade, e no centro do ser...
um caroço, duro de roer!
De pernas erguidas, ao caminhar do tempo
joelhos afastados... circula o vento...
Verão de cores ofuscadas, por todas as fantochadas,
que o Homem semeou no seu Ser!
Verão de flores a nascer, com um talo já todo melado
verão salgado... pelo doce sabor do pecado!
Verão sem pureza, foi-se a beleza
do verão da antiga natureza!

Celeste Seabra





Loucura de Verão

És a minha loucura de Verão
com sabor a morangos e limão.
Gosto de ti sempre assim 
alegre e fresco tal como um jardim.

És o sol que eu procuro
e o mar onde mergulho.
Faço tudo para te agradar
contigo só me apetece amar.

Tudo são risos, beleza e magia
prazer, sol , alegria dia a dia.
Somos como crianças maravilhadas
que olham o arco íris admiradas.

Adoro a maneira que olhas para mim
aos teus gestos, o meu corpo diz sim.
Quero que sintas todo o meu amor
hoje e amanhã com o mesmo fervor.

Bernardina Pinto





AS MARCAS DA VIDA

Pensando em ti meu amor
eu não me dou por vencida
ajudas-me a suportar a dor
esta que marcou minha vida
são as marcas do meu destino......
porque a tristeza minha companheira
quando se começa de pequenino......
há marcas para uma vida inteira.....

NOSSOS FILHOS

Mas nesse cantinho sagrado ,estás ,
e jamais te esquecerei meu amor,
me acompanhando sempre esta dor
deixar de te amar não sou capaz......
foste o amor de toda uma vida .......
meu suporte de alegrias e dores....
hoje estou-te muito agradecida .....
deste-me uns filhos que são uns amores,

O CARINHO
aquele amor e carinho ,com todos repartias
é como o carinho dos nossos filhos ........
quando me beijam todos os dias ............
sinto neles o teu amor , a ternura do teu carinho
ao lado deles, amenizo a dor sofrendo baixinho....
JOANA RODRIGUES
25/06/2013




PODIA

Podia ser brisa e não vendaval
Podia ser mar só de ondas mansas
Podia só rir e nunca chorar
Podia ser sempre forte e nunca fraquejar
Podia ser sempre luz e nunca escuridão
Podia não amar por já terem magoado meu coração
Podia esconder os meus erros para ser perfeita
Podia dar o meu sorriso a quem quisesse e não a quem merecesse
Podia não dizer o que penso e sinto só para agradar
Podia só dizer sim e nunca não
Claro que podia…
Mas deixaria de ser quem sou
Por isso nada disso farei
Porque a maior parte de mim
É pura imperfeição
E é esta convicção que me faz caminhar com determinação
E olhar-me com admiração.

Helena Santos





OS MEUS OLHOS

Os meus olhos são duas nascentes
que brotam água límpida
que escorre pelas curvas e reentrâncias do meu corpo
formando um rio e se perde quando encontra o teu corpo
e se transforma num imenso mar
Pelo caminho molha-te a pele
e desperta-te os sentidos
fazendo-te ouvir uma melodia de águas correntes
que te elevam a outras dimensões
O teu corpo recebe o meu líquido
que à sua passagem deixa pedras preciosas
transformando o meu corpo no teu melhor tesouro
E eu vou bebendo, saciando a minha sede de paixão
saboreando as gotas de sal que aqui e ali vão ficando em ti
esperando que as sorva e transformando-se numa energia
que me leva a banhar-me em ti sem medo de me afogar em mim
Depois de nos deliciarmos nas tuas ondas bravias
num banho de espuma branca e sensações
somos transportados e ficamos a espraiar-nos na areia das nossas emoções.
Gosto quando broto água dos meus olhos e te inundo como um rio
que era só meu e passa a ser nosso quando na foz se junta ao teu mar.

Helena Santos





AMIGO

Amigo quero te dizer
Que a tua amizade é um bem querer
Por isso não a quero perder
Sem ela não saberia o que fazer

Todos os sentimentos nos preenchem
Com a pessoa certa, na hora exacta
Mas a amizade é a mais valiosa
Por isso quero ser sensata

És uma pessoa de respeito e carácter
E sempre quis ter um amigo assim
Mas para a amizade crescer saudável
Outro sentimento não pode prevalecer

Podes contar comigo sempre, de coração
Contigo contarei também, sinto que posso confiar
Quando a tristeza te derrubar, terás sempre a minha mão
Sempre que a alegria me invadir, irei com prazer te contagiar

Helena Santos




LOUSAL ÉS POESIA

Amigos da minha poesia
a todos quero convidar.....
para os ver com alegria....
quando meu livro publicar...

será no próximo dia treze
este novo acontecimento
mas teria todo o gosto ....
ver os amigos neste lançamento

como é o primeiro de muitos
porque muitos são os temas
gostaria de estarmos todos juntos
para ouvirem ler meus poemas......

lidos por poetas de grande estilo
é assim meu lançamento......
no auditório do Lousal.........
naquela terra de meu nascimento...

juntem -se mais poetas ao evento
vamos fazer daquele dia........
um dia de reconhecimento...
porque há tanto poeta e bela poesia

me deixem vossos contactos
e venham fazer uma linda visita
uma terra de tantos artefactos ....
merece num livro ser escrita ......

há tantos poetas populares ......
mostrem o que escondem nas gavetas
vamos todos nos juntar............
deixem -se de vergonha ou de tretas

e quem souber declamar , seu poema pode dizer
e eu também popular , só teria que agradecer ....
vamos todos ao Lousal vamos todos reviver ......

JOANA RODRIGUES
26/06/2013

Cantinho dos Administradores

Desde há algum tempo que pensava no modo de mostrar o carinho que sinto por cada um dos Administradores que dia a dia se dedica a manter vivo este espaço, lendo, comentando e fazendo a manutenção dos conteúdos entrados a todo o instante no nosso Solar.
Pensei que este Cantinho responderia um pouco a essa intenção, mostrar o apreço e gratidão pela sua dedicação. Não para lhes retribuir o seu esforço mas para que sintam que os estimo e aprecio.
A partir de agora, dia a dia serão colocados poemas que esses valorosos colaboradores publicam no Solar que é também o seu.
Esperamos os vossos trabalhos.

Solar de Poetas

ESTA PAIXÃO

Aqui estou com a minha novidade
estou contente ,claro que estou ....
este sonho vou realizar.................
a vossa força amigos ,a mim me conquistou

e por mim e por todos vós , vou continuar
vos agradeço de coração................
para quem me quiser comentar .........
saibam que tenho na poesia, uma grande paixão

adoro tudo o que escrevo ,porque é aquilo que sinto
eu fico horas a seguidas,a escrever de alma e coração
os poemas de amor e saudade ., podem crer não minto

é com muita emoção que hoje , este sonho vou realizar
tenho nos amigos , nos meus filhos e neta ,força para continuar,
se não for do agrado de todos peço desculpa , escrevo aquilo que sinto

JOANA RODRIGUES
21/06/2013


segunda-feira, 24 de junho de 2013



Hoje, o dia é nosso…

Deixa-me sentir o teu perfume,
o cheiro da tua pele e mergulhar
no azul dos teus olhos.
Quero saciar minha sede
e amar-te perdidamente…
Quero sentir as tuas mãos e a tua boca
percorrendo o meu corpo.
Desejo que apagues esta chama ardente
que sinto dentro de mim a queimar.
Vem …amor, quero dizer muitas vezes
que te amo!
Hoje é um novo dia e este dia é nosso…
Amo-te …muito!

Bernardina Pinto




Pausas da Vida

A vida faz-se ao caminhar mas é necessário fazer umas pausas 
Para admirar a beleza e viver a vida no seu esplendor...

Eu hoje:
Parei para pensar um pouco,
ouvir os pássaros, sentir o calor do sol
e admirar a beleza da natureza...
Parei para ouvir o riso das crianças,
ouvir os mais idosos e um lamento
de uma mulher que sofre...
Parei para ouvir uma música, ver um filme e
admirar uma obra de arte...
Parei para ler um livro, escrever poesia
e aproveitei para ouvir o vento
e escutar o silêncio...
Parei para ouvir o meu filho,
joguei ás damas com ele
e depois demos um forte abraço!
Parei para telefonar aos meus pais
para saber se estavam bem...
À noite, parei para olhar o céu ,
admirar a lua e o brilho das estrelas...
Aproveitei, nesse momento mágico,
para agradecer a Deus e rezar...
Um pouco mais tarde,
fiz uma pausa para te ouvir meu amor,
falamos de como tinha corrido o nosso dia,
acabamos a nossa conversa
com um beijo e um terno abraço!
A seguir, tivemos uma linda noite de amor,
com muita paixão e carícias desejadas...
Eu fui tua e tu foste meu, nessa noite mágica!

Fazendo um balanço deste dia,
foi um dia maravilhoso e adorei as pausas que fiz!

Bernardina Pinto


sábado, 22 de junho de 2013



POR AMOR ...

A tristeza sempre fez parte de mim, e eu estava triste…
Meu coração era como ave numa gaiola presa ...
A solidão era minha maior amiga e companheira…
E eu não sabia mais sorrir e do amanhã não tinha certeza.
Era de mim mesmo uma prisioneira…

Sozinha, conheci a dor de não mais saber amar…
com meus sentimentos, e desejos aflorados…
Minha vida não tinha sentido em ficar…
e no escuro encolhida chorei prantos calados
Era um barco a deriva em alto-mar…

Como numa noite escura e sem luar..
Sem perceber as eternas belezas da vida..
Vida sem amor… sem cor... Não sabia mais amar.
Andava triste, eu estava sempre triste…
Até que você entrou em minha vida..

Como um verdadeiro raio de sol,mudou meu mundo
Entrou em minha vida, arrancou espinhos, abriu a gaiola
Iluminou aquela gaiola que aprisionava meu coração..
Estendeu a mão, me tomou nos braços e me tirou dali…
E com um imenso amor me libertou da solidão…

Você com seu carinho deu sentido a meus dias…
Preencheu com ternura o que faltava em minha vida…
Deu um rumo ao barco sem leme da minha existência..
Se fez o luar de minhas noites… o sol da alegria que não finda
Me mostrou o amor… Um amor que não vive de aparências.

E encontrei você… e com você aprendi o que é o amor…
Descobri que ainda sou uma mulher com sonhos e desejos
De como é lindo dizer todo dia "eu te amo" sem pudor
Dividir um amor que é cristalino firmado na verdade.
E eu que era tão triste, e cheia de uma imensa solidão.

Descobri que no coração de um homem existe tanta beleza
que tomei para mim o seu destino e dei-lhe em troca
...Meu coração!

21-06-2013
Rosangela Ferris